sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

"companheiro" Fidel rejeita mudança em Cuba após renúncia

Fidel Castro garantiu que sua renúncia à presidência de Cuba não provocará uma "mudança, como espera o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush. Nesta sexta-feira, ele publicou o primeiro artigo publicado depois de anunciar que não pretende reassumir o comando do país.



O texto saiu sob o título "Reflexões do companheiro Fidel", ao invés de "Reflexões do Comandante-em-Chefe". Nele, Fidel aborda a reação de seu "adversário" à mensagem publicada terça-feira, na qual anunciava que não aspiraria a um novo mandato de presidente.



"Bush disse que minha mensagem era o início do caminho da liberdade de Cuba, ou seja, a anexação", expressou o líder comunista, que se afastou da atividade política depois de 49 anos no poder."Meio século de bloqueio parece pouco aos prediletos. Mudança, mudança, mudança!, gritavam em uníssono. Estou de acordo, mudança!, mas nos Estados Unidos. Cuba mudou e seguirá seu rumo dialético", acrescentou.


Para o líder agora aposentado os cubanos não retornarão "jamais ao passado", antes da vitória da revolução de 1959.





Fonte: uol últimas notícias
Posted on by Residência do Estudante de Guanambi | 1 comment

1 comentários:

Fox disse...

Sorry. Look please here