sábado, 5 de abril de 2008

ENNUFBA


Após intensa mobilização responsável pela aprovação do programa de ações afirmativas da UFBa, houve um arrefecimento no debate acerca da democratização da Universidade. Com isso, o Programa aprovado ficou apenas no acesso, e a Universidade estagnou na implementação das políticas afirmativas.


Como iniciativa no intuito de rearticular o movimento estudantil negro, o DCE-UFBa, em parceria com organizações do movimento negro de dentro e fora da Universidade, DAs, CAs e militantes independentes, está realizando o I Encontro de Estudantes Negras e Negros da UFBa (ENNUFBa), no primeiro fim de semana de abril.A informação do estudante negro para a compreensão do nosso papel estratégico e instrumentalização histórica são objetivos que queremos alcançar no ENNUFBa.


O Encontro pretende discutir a atuação do movimento estudantil negro na garantia das cotas, na luta pela aplicação de programas de permanência e pós-permanência, na contribuição à revisão do conhecimendo, sua produção e socialização, numa perspectiva cuja diversidade contemple as matrizes da África e da diáspora.


A mobilização dos estudantes negros e negras da UFBa iniciou-se ainda na primeira metade dos anos 90, e desde então é dos mais ativos e importantes no Brasil, atingindo seu ápice com a aprovação do Programa de Ações Afirmativas da Universidade. Acreditamos que o ENNUFBA deve ser um instrumento importante para a construção de um programa de referência de militantes negros e negras da Universidade.


Poderá ser ainda mais importante para a formação identitária de diversos e diversas estudantes ingressas pelo sistema de cotas raciais, daquelas que iniciam sua vida na Universidade este ano àqueles que se formam na primeira turma de cotistas, ao final de 2008.Transversalmente, o ENNUFBa pretende contribuir com as formulações sobre o empoderamento de homens e mulheres negras, no caminho da reparação.Esperamos a sua participação na luta pela universidade sem racismo!


Fonte: dce.ufba.br/ennufba
Posted on by Residência do Estudante de Guanambi | 1 comment